O que faz o cardiologista?

By

A Cardiologia é uma especialização da área de Medicina que cuida do diagnóstico e tratamento de todas as doenças relacionadas ao coração e ao sistema circulatório.

É considerada uma das especialidades médicas mais evoluídas, principalmente em função dos grandes investimentos e da alta tecnologia envolvida nesta área.

As doenças cardíacas estão cada vez mais frequentes e complexas em todo o mundo, o que faz aumentar ainda mais a importância do trabalho do médico cardiologista e garante oportunidades profissionais interessantes a quem seguir essa carreira.

Um Cardiologista atua em consultórios e clínicas particulares ou públicas, em hospitais e casas de saúde gerais ou especializados em cardiologia, em grupos multidisciplinares de especialidades médicas, etc.

Está sob as responsabilidades de um Cardiologista realizar consulta com o paciente, realizar entrevista e conhecer o paciente (seus costumes, alimentação, doenças congênitas, histórico familiar, etc.), realizar os exames e testes físicos, realizar o pedido de exames laboratoriais, eletrocardiogramas, ecocardiogramas, e outros, dependendo da necessidade do paciente, analisar o resultado dos exames, diagnosticar possíveis disfunções, analisar junto à uma equipe de cirurgia cardiovascular a condição do paciente, caso se faça necessária uma intervenção cirúrgica, conversar com o paciente, explicar sua situação de saúde e indicar a ele mudanças necessárias para a promoção do bem-estar como uma dieta mais rigorosa, a realização de exercícios, de exames periódicos, entre outros.

Cirurgias

Se for o caso de uma operação, conversar com o paciente e com sua família explicando a intervenção cirúrgica, a razão de sua necessidade e as consequências e cuidados que devem ser tomados, em alguns casos, encaminhar o paciente ao departamento responsável pelos transplantes de órgãos.

Para que o profissional tenha um bom desempenho como Cardiologista é necessário que o profissional tenha gosto por ajudar as pessoas, e que, acima de tudo, goste de promover a saúde e o bem-estar de seus pacientes.

Desde que a Cardiologia se tornou especialidade regulamentada no tratamento de doenças do coração, o médico clínico geral se torna apenas o detector de possíveis problemas cardíacos, e a partir desse momento o paciente deve ser encaminhado para o cardiologista, afinal este é o mais indicado pela experiência e conhecimento na área.

Leave a Comment

Your email address will not be published.

You may also like