O que significa Leucocitose?

By

Leucócitos são os glóbulos brancos do sangue, que fazem parte do sistema de defesa imunológica do organismo. Há diversos tipos de leucócitos: os neutrófilos, eosinófilos, basófilos, linfócitos e monócitos, cada um deles com diferentes funções, de atacar diretamente o invasor, outros produzem anticorpos, outros apenas fazem a identificação, e assim por diante.

A leucocitose é o aumento do número de leucócitos no sangue. A leucocitose não é uma doença, e sim uma resposta do nosso organismo à alguma infecção por bactérias, vírus, fungos ou protozoários, ou então uma resposta a situações de estresse, muito esforço físico e até mesmo doenças que afetam a medula óssea, como a leucemia.

A leucocitose pode ser classificada em fisiológica, reativa e patológica. Quando nos referimos à leucocitose fisiológica, estamos falando em um aumento discreto do número de leucócitos. Esse tipo ocorre normalmente após uma situação de estresse, no período menstrual, em mulheres grávidas e naquelas que estão amamentando.

Dizemos que uma leucocitose é reativa quando ocorre um aumento moderado no número de leucócitos por mm3. Nesses casos, a causa é normalmente infecções bacterianas, inflamações e algumas doenças metabólicas.

Por fim, temos as leucocitoses patológicas, que podem ser resultado de doenças como leucemias e linfomas. Nesse caso, normalmente encontramos valores muito alterados de leucócitos totais.

Diagnóstico

A leucocitose pode ser diagnosticada por um exame simples de sangue, o hemograma, que também analisa os tipos de leucócitos que estão numericamente alterados. Constatada a leucocitose, impõe-se investigar e diagnosticar a sua causa, o que exigirá exames mais sofisticados.

Para identificar a causa da leucocitose, pode-se observar o tipo de leucócito que se apresenta em maior quantidade. Normalmente bacterioses são acompanhadas de um aumento nos neutrófilos; viroses são acompanhadas de um aumento de linfócitos, já em alergias e infecções por vermes, percebe-se um aumento dos eosinófilos.

Tratamento

Para se tratar a leucocitose, deve-se primeiro descobrir a causa, razão pela qual a alteração ocorreu. Se a causa for reativa, a prescrição de antibióticos para ajudar a matar agentes patogênicos é ideal para curar uma doença infecciosa num curto espaço de tempo. Em algumas situações, é necessário tomar esteroides para controlar a inflamação, reduzindo os leucócitos sanguíneos.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar


Deprecated: Directive 'track_errors' is deprecated in Unknown on line 0