Qual a diferença entre urologista e nefrologista?

By

Afinal, o que diferencia um profissional do outro?

O urologista é um médico que passou pela residência em cirurgia e se especializou em urologia, ou seja, ele é um cirurgião urológico. Assim, as doenças que acometem os rins e precisam de tratamento cirúrgico serão atendidas por esse especialista.

O nefrologista é um especialista clínico. Esse profissional passou pela residência em clínica médica e se especializou em nefrologia. Ele atende aquelas condições em que a doença renal não tem indicação cirúrgica, mas precisa de um acompanhamento clínico especializado e tratamento medicamentoso.

Quando consultar um nefrologista?

O nefrologista é o médico que cuida especificamente das doenças ligadas aos rins, como a insuficiência renal que tenha como causa o diabetes, a hipertensão arterial, doenças císticas e outros males que comprometem o funcionamento dos rins, cálculos renais recorrentes e que não precisam de cirurgia, além de infecção urinária de repetição.

Transplante de rins

Outra atribuição do médico nefrologista é cuidar dos pacientes transplantados renais. Quem realiza a cirurgia do transplante é o urologista, mas o médico que indica o transplante, prepara o paciente, escolhe o doador (em caso de doador vivo), e fica cuidando do paciente após a realização do transplante é o nefrologista.

É preciso destacar que o paciente transplantado precisa ficar tomando drogas imunossupressoras por muitos anos para que o rim transplantado não sofra rejeição. Isso implica em um maior risco de problemas, como infecções e surgimento de tumores. É o nefrologista o responsável por controlar as doses dos remédios e procurar manter o rim transplantado funcionando por longos anos.

O urologista e o nefrologista podem trabalhar em conjunto?

Na verdade é muito comum que o urologista e o nefrologista trabalhem em conjunto para garantir o bem-estar do paciente e um atendimento mais integral.

Um bom exemplo dessa parceria ocorre em pacientes que apresentam pedras nos rins (cálculo renal). Quando as pedras são relativamente grandes, a ponto de não poderem ser expelidas naturalmente pelo organismo, elas precisam ser retiradas cirurgicamente, e esse trabalho é feito pelo urologista.

Precisa de mais informações sobre essa especialidade? Quer marcar uma consulta? Entre em contato conosco pelo nosso site!

Leave a Comment

Your email address will not be published.

You may also like